ECOBAGS: 5 motivos para você começar a utilizar sacolas ecológicas

Segundo o Ministério do Meio Ambiente, no Brasil são distribuídas cerca de 1,5 milhão de sacolas plásticas a cada hora, totalizando aproximadamente 13 bilhões por ano. As sacolas plásticas não são biodegradáveis e a reciclagem desse material é difícil, por isso, bilhões de sacos plásticos são levados para aterros sanitários ano após ano, chegando até os nossos rios, praias e oceanos, causando sérios perigos aos animais marinhos levando muitos deles até a morte.


Todos esses prejuízos ao nosso meio ambiente são causados por um produto que tem, em média, uma vida útil de 15 minutos! Bizarro, não é? Precisamos urgentemente rever nossos hábitos.

Os motivos ambientais são muitos para você eliminar de vez ou reduzir o uso de sacolas plásticas no seu dia a dia. Não vale a pena todo esse impacto na natureza por algo que é muito fácil de ser substituível, não é mesmo?


Confira agora 5 motivos para você começar a usar ecobags na sua rotina:


1 - Economia (de dinheiro e tempo)


Nos grandes supermercados, as sacolinhas plásticas são pagas. São alguns centavos que ao final do mês podem fazer uma diferença.


As ecobags são muito mais baratas quando comparadas com as sacolas plásticas. Enquanto as sacolas tradicionais são feitas para usar e jogar fora, as ecobags são feitas para durar, ou seja, não é necessário comprar novas sacolas a todo momento.


Além disso, você economiza tempo na hora de embalar e desembalar suas compras porque todos os seus produtos estão concentrados em um único lugar.


2 - Resistência e segurança


O principal pilar da criação das ecobags é que elas possam ser usadas pelo maior tempo possível sem estragar, aliando resistência, beleza e praticidade.


Por isso, normalmente as sacolas ecológicas são feitas de algodão, um material que proporciona resistência e segurança para carregar suas compras, podendo colocar mais peso do que as sacolas plásticas aguentariam e, usualmente, são mais confortáveis de carregar.


3 - Versatilidade


As ecobags são lindas e podem ser utilizadas nos mais diversos lugares e ocasiões. Quem disse que elas só podem entrar no mercado? Você pode usar a sua sacola ecológica na praia, para colocar roupas, para guardar brinquedos e o que mais for necessário. Com o tempo, você cria o hábito de sempre ter uma sacola ecológica consigo.


4 - Redução do impacto ambiental


O tempo médio de decomposição das sacolas plásticas é mais de 100 anos! Como a grande maioria delas não são biodegradáveis, acabam indo para os rios e mares, causando a morte de diversas espécies e trazendo inúmeros prejuízos a todo um ecossistema. Existe uma estimativa alertando que até 2050 teremos mais plástico do que peixes nos mares.


Além disso, um outro grande risco que a humanidade enfrenta com o uso exagerado de plástico são os micro-plásticos, que são pequenas partículas de material sintético que acabam sendo ingeridas por peixes e contaminando os seres humanos.


O entupimento de bueiros, desencadeando enchentes, proliferação de doenças e vários outros problemas urbanos também são causados pelo plástico. Enfim, são diversos os motivos para não utilizar mais esse material.


Se a sua ecobag for feita integralmente de algodão, ela irá durar muito e não trará impacto algum ao meio ambiente. Pelo contrário, ela poderá ser reciclada e quando em condições ideais e se não tiver tido contato com nenhum químico, poderá ser compostada. Nesse caso, ainda se torna nutrientes para a terra. Uma mudança linda, prática e ecológica!


5 - Uma atitude que pode mudar a sociedade


Usar ecobags é uma forma eficiente de participar do movimento por um planeta menos sujo e mais justo. Quando você usa uma sacola ecológica no lugar de uma sacola plástica, está dando o exemplo para as pessoas ao seu redor. Seja um influenciador e inspire outras pessoas com boas ações!


Além de ser um ato consciente, utilizar menos plástico levará você e sua família a realizar pequenas mudanças de hábitos no dia a dia que, ao final, fazem uma grande diferença para o nosso planeta como separar o lixo orgânico do reciclável, dar preferência à uma alimentação mais natural e plant-based, consumindo menos produtos industrializados e até preferir meios alternativos de transporte.



Que tal começar agora? Somando essas pequenas mudanças de hábitos no nosso dia a dia, temos um conjunto de atitudes que são mais do que suficientes para a preservação do meio ambiente em que vivemos, seguindo uma vida mais sustentável e harmoniosa.

0 comentário